Ação-Chave 2 ( KA2) : Parcerias Estratégicas

Ação-Chave 2: Parcerias Estratégicas

Uma parceria estratégica transnacional destina-se a desenvolver iniciativas orientadas para um ou mais domínios de educação e de formação. Em geral, envolve no mínimo três organizações de três países do Programa, embora existam projetos que abrangem apenas duas organizações de um mínimo de dois países do Programa. Permite que as organizações participantes adquiram experiência de cooperação internacional e reforcem as suas capacidades e/ou que produzam resultados tangíveis inovadores e de elevada qualidade, com claro impacto a nível individual e institucional.

Tipos de Parcerias

  • Parcerias estratégicas para a promoção da inovação;

  • Parcerias estratégicas para o intercâmbio de boas práticas;

  • Parcerias de intercâmbio escolar;

  • Parcerias estratégicas entre autoridades locais e regionais.

Participantes

Alunos, docentes e não docentes da educação pré-escolar, ensino básico e secundário. Mobilidade para ensino/aprendizagem:

  • alunos em mobilidade mista;

  • alunos de todas as faixas etárias, acompanhados por pessoal escolar, em intercâmbios de curto prazo;

  • alunos com idade igual ou superior a 14 anos em mobilidade de longa duração para fins de estudos;

  • professores em missões de ensino ou formação;

  • pessoal em eventos de formação conjunta.

Candidatos

Escolas; organizações ativas em qualquer domínio da educação, formação ou juventude, bem como organizações que realizam atividades transversais; organismos responsáveis pela organização e oferta de educação a nível local, regional e nacional; qualquer organização estabelecida num país do Programa.

Em geral, as parcerias estratégicas são orientadas para a cooperação entre organizações estabelecidas nos países do Programa. No entanto, as organizações de países parceiros podem participar numa parceria estratégica como parceiras, (mas não como candidatas) desde que essa participação acrescente valor ao projeto.

https://www.erasmusmais.pt/setores